sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

O extremismo do homem




Hoje é comum ver, inclusive no meio cristão homens extremistas.

Extremistas em relação ao trato com sua esposa, afinal ele é o “Homem da casa”.

Extremistas em relação à educação com seus filhos, afinal é “sim sim, não não”.

Extremistas no seu trabalho, não consegue parar em um, pois seu patrão é um “endemoniado”.

Extremistas em relação ao evangelismo, pois “não se assenta a roda dos escarnecedores”.

Será para isso que o Senhor preparou o homem? Foi essa a mensagem deixada por seus profetas e por Jesus?

É aterrador, como homem perceber que o evangelho é usado para atender demandas pessoais, todas as afirmações podem ser verdadeiras, mas não é somente isso que o Senhor, em sua perfeita e inerrante palavra de Deus nos ensina.

“Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela,”  
Efésios 5:25

Para entendermos o papel do homem no lar; agora como marido. O Marido (Cristo) ama sua mulher (igreja). Mostra o papel do “marido” Cristo: Ele “amou a igreja a si mesmo se entregou por ela”. Cristo ama a igreja e ele dá a sua vida por ela.

Portanto, devemos sim ter acordo, a paz com a esposa e, por ser cabeça, caso não exista acordo em alguma situação, que a decisão seja dada ao homem da casa, pois será dele cobrado, tanto sua decisão como sua omissão.

“Vós, pais, não irriteis a vossos filhos, para que não percam o ânimo”.
Colossenses 3:21

De igual maneira, não apenas devemos educar os filhos, mas educa-los com amor, com limites e respeitando também o seu filho como o Senhor nos ensina.

“Vós, servos, obedecei a vossos senhores segundo a carne, com temor e tremor, na sinceridade de vosso coração, como a Cristo”.
Efésios 6:5

O Senhor nos ensina que devemos obedecer aos senhores, com “temor e tremor” como estamos servindo ao próprio Cristo. Portanto, não devemos afrontar a autoridade estabelecida por Deus para acusa-los de ser ferramenta do diabo.

“Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”.
Salmos 1:1

Uma das coisas mais difíceis que hoje temos é a leitura da palavra com bom enso.

O texto não afirma que não podemos ser colega ou ter algum tipo de relacionamento social com um não crente.

Só podemos ganhar pessoas para Cristo nos relacionando com os não cristãos.
Jesus mesmo disse que veio para os que precisavam.

“Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite”.
Salmos 1:2

No entando é necessário ficar atento sobre “ter prazer na lei do Senhor” o Salmo 1 mostra que é feliz o que não da ouvidos e segue o que o que o impo segue.

Que possamos ser ao “extremo” cheio da graça e misericórdia do Senhor em nossas vidas.

Que possamos ser ao “extremo”, prazerosos na lei do Senhor e meditar de dia e noite.

Que sejamos “extremistas” com relação ao pecado.


Em Cristo,
Raphael Soares
@sraphaelsoares
facebook.com/sraphaelsoares
http://www.raphaelsoares.com.br
← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 comentários:

Postar um comentário

..