sexta-feira, 14 de março de 2014

O perigo de um desejo obstinado





Em nossa caminhada com Cristo sempre aparecerá momentos em que devemos perseverar, de uma forma sobrenatural pois perseverar não é fácil. Deixar nosso desejo e vontade de lado e nos esforçar além do limite para manter o foco, a direção e no caminho que é longo...

Mas como já se não bastasse o caminho longo e a estrada estreita devemos ficar atentos a um grande problema até comum entre nós falhos pecadores mas desejosos seguidores de Cristo.

O desejo obstinado.

Deus falou através de seu profeta Isaias sobre o desejo obstinado, sobre a forma teimosa, insistente e inflexível que o povo de Israel era.

“Pois eu sabia o quão obstinado você era; os tendões de seu pescoço eram ferro, a sua testa era bronze.” Isaías 48:4

Existem outras diversas referencias que pontuam o desejo obstinado, que em outras passagens podem ser lidas como dureza de coração do homem que causaram a resiliência e literalmente cegaram a razão, o foco, a direção e consequentemente gerou a queda, a distância do Senhor.

De uma forma geral a obstinação gera a resiliência. Pois ela certamente vai nos apresentar falhas e nos tornará ainda mais obstinados.

Mas então, o que fazer?

Devemos Perseverar.

A palavra de Deus nos ensina e muito a perseverar no Senhor, na sua Palavra, na sua Verdade.

Mas quais os caminhos que devemos percorrer para saber se estamos na perseverança?

Na palavra, na verdade revelada do Senhor.

“E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.” Atos dos Apóstolos 2:42
                                                                                    
A principal direção que devemos tomar para não sermos obstinados sem resiliência é nos firmar na palavra em amor e não usar a palavra do Senhor para tentar acusar, degradar denigrir ou justificar um ato.

E para nós termos vida, sermos salvos.

“Fiquem firmes, pois assim vocês serão salvos.” Lucas 21:19

Na verdade, quando estamos determinados em seguir um caminho é um pouco difícil nós por meios próprios discernir se estamos perseverando ou obstinados a um assunto, um proposito ou uma direção.

Na verdade é muito difícil quando estamos focados em um objetivo e a principal direção que podemos ter é focar principalmente nos critérios em que a palavra de Deus nos dá, como no nos é ensinado em Atos 2:42

Que o Senhor possa nos ajudar e que possamos ser perseverantes em servir a Cristo.

Em Cristo, 

Raphael Soares

@sraphaelsoares
www.raphaelsoares.com.br
Local: Recreio dos Bandeirantes, Rio
← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 comentários:

Postar um comentário

..