segunda-feira, 2 de novembro de 2015

O Método ideal



O Método ideal

Caminhando com Cristo rumo à igreja triunfante e aprendendo com Ele a cada dia, nas vitórias ou nas perdas podemos considerar algumas questões quanto o que está acontecendo com nossa comunidade da Fé que anuncia a Cristo como seu salvador e não pratica Cristo como sua referencia de vida.

Um dos principais pontos que é perceptível é que o povo que não conhece a Cristo acaba se identificando muito com os que já dizem servir.

Hoje continuamos a encontrar a igreja como um evento, em que os amigos se reúnem e realizam atividades sociais e culturais. A propósito, a igreja é um ótimo lugar de conhecer pessoas e parece que só tem sido útil para isso.

Muitas pessoas tem se frustrado com a igreja, elas não tem encontrado o modelo que o Senhor nos orienta a ser.

Afinal de contas isso é evangelho?

A inerrante palavra do Senhor nos ensina como a igreja deve caminhar e quais os pontos devemos seguir.

“De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas,
E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.”
Atos 2:41,42

As primeiras conversões em Atos 2 nos ensinam importantes lições a cerca do evangelho genuíno de Cristo.

- Foram batizados os que receberam a palavra.

Irmão, os que entendem a mensagem da Cruz de Cristo e recebem a palavra em seu coração são batizados.

Isso significa que não é um apelo emocional que dará o entendimento do evangelho de Cristo, portanto PRIORIZE A PALAVRA e não a alteração de tom de voz e efeitos pirotécnicos, palavras de efeito que não condizem com o evangelho de Cristo.

- Quase três mil almas.

O Foco do evangelho são ALMAS e não VIDAS.

E como se mantém uma igreja saudável, caminhando em Cristo?

- Foco na doutrina.

Evangelho sem doutrina é o local em que o evangelho é citado e não vivido.

Já considerou saber qual a doutrina que sua igreja tem?

Uma igreja que zela por falta de conhecimento é uma igreja em que seus membros têm um ciclo rotativo, um “entra e sai”, um evento social apenas, podemos comparar a um clube, uma boate e/ou uma terapia ocupacional.

- Comunhão e partir o pão.

A comunhão é importante e até necessária, mas a comunhão sem doutrina faz com que o evangelho fique fraco e a maravilhosa graça de Cristo fica deturpada.

Não dá para viver o evangelho da graça sem doutrina, sem confissão de pecados e arrependimento.

Quer viver a plenitude de Cristo enquanto nessa terra?

“E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.”
Atos 2:42

- Persevere. 
 
- Foco na doutrina.

- Viva em comunhão.

- Partilhe o que pão que tem.

- Ore.

Vamos viver o evangelho de Cristo? Então abra a bíblia.
Em Cristo,

Raphael Soares

PROXIMA → INICIO

0 comentários:

Postar um comentário

..